Faça uma doação
Voltar
MOVIMENTO SOLIDÁRIO RENOVA PARCERIA COM MARANHÃO PARA ATÉ 2022
Frente a um resultado exitoso, o governo do Estado do Maranhão, solicita à Fenae a renovação do programa transformador de Belágua (MA)

Com os propósitos de combater a fome, gerar renda e proporcionar mais qualidade de vida, o Programa Movimento Solidário, coordenado pela Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa (Fenae), com o apoio de organizações parceiras, que transformou e vem transformando vidas no município maranhense de Belágua, tem desempenhado importante papel de desenvolvimento sustentável no município, e por esta razão, o governo do Estado do Maranhão solicitou à Fenae que esta parceria se renove no ano de 2022.

“O Governo do Estado vêm desenvolvendo diversas ações com foco na melhoria do Índice de Desenvolvimento Humanos (IDH) desde o ano de 2015, por meio do programa Mais IDH, nos 30 municípios com menor IDH do estado. Em Belágua temos a alegria de poder contar com a parceria do Movimento Solidário da Fenae, uma ação comprometida com o desenvolvimento humano e social do município, com projetos de geração de emprego e renda, desenvolvidos a partir das necessidades apontadas pela própria comunidade. Para nós da Sedihpop é fundamental ter ao nosso lado e ao lado da população iniciativas como esta.”, destacou o secretário de Direitos Humanos e Participação Popular, Chico Gonçalves.

Segundo o secretário-adjunto de Promoção do IDH do governo do Estado do Maranhão, Bruno Lacerda, é possível construir uma outra forma de viver a partir do engajamento de importantes parceiros, como a Fenae e a solidariedade dos empregados do banco público. “É possível ter qualidade de vida, ter esperança e transformar as comunidades. E tudo isso só é possível por conta da solidariedade dos empregados da Caixa e todo mundo que faz o Movimento Solidário acontecer, principalmente a Fenae, que nos abraçou para além de parceiros, mas como uma organização irmã. O Movimento Solidário não só é uma parceria, mas sim a principal do Plano ‘Mais IDH’”, disse.

Em consonância com o secretário, o presidente da Fenae, Sergio Takemoto, ressaltou que a ação coletiva e solidária alcançou índices importantes para o desenvolvimento de Belágua. “É extremamente gratificante ver o avanço alcançado pelas comunidades com o apoio do Movimento Solidário. A transformação da realidade de cada família, foi constatado no decorrer destes seis anos de muito trabalho e principalmente com o engajamento dos empregados da Caixa. Toda essa ação solidária em parceria com o governo do Estado do Maranhão foi fundamental para a realização deste projeto tão importante. Por isso, é imprescindível renovar essa parceria que levou empoderamento para as famílias do município”, afirmou Takemoto.

De acordo com o ofício assinado pelo governador do Estado do Maranhão, Flávio Dino, desde 2015, o Movimento Solidário tem desempenhado fundamental papel no desenvolvimento do município de Belágua, uma das cidades foco do Plano 'Mais IDH', executado pelo Poder Executivo Estadual, com vistas à redução das desigualdades no Maranhão.

Para o governador “esta sinergia, fruto de árduo trabalho e valorosa dedicação, permitiu a ampliação do número de usuários atendidos naquele município, com projetos produtivos relacionados à agricultura familiar, abastecimento de água, geração de renda, saúde e infraestrutura, por exemplo. Concretamente, as atuações do Movimento Solidário e do Plano 'Mais IDH' somam esforços para melhorar a vida de quem mais precisa”, subscreveu no ofício.

“Sabemos que a pandemia requer de todos nós muita solidariedade e acolhimentos das pessoas que sofrem esses efeitos e suas dificuldades. Por essas razões e pelo sucesso do programa que desde a sua implementação em 2015 tem impactado a vida de muitas pessoas, a renovação da parceria significa a continuidade de um trabalho exitoso, com projetos que permitem à Belágua ser um exemplo de transformação”, destacou Jair Ferreira, diretor de Formação da Fenae.

Movimento Solidário – 6 anos transformando vidas

Sua atuação se iniciou em 6 de julho de 2015, no município maranhense de Belágua. À época, Belágua figurava entre os piores resultados de acordo com o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do país.

O Programa Movimento Solidário iniciou suas intervenções com um processo de diagnóstico da realidade local e, percebendo a necessidade de atuar emergencialmente em algumas questões básicas, como falta de alimento, vestimentas e baixo, acesso à assistência médica, realizou uma série de parcerias e arrecadações para entregar cestas básicas, roupas, calçados e realizar mutirões de consultas e exames médicos.

Já em 2016, o Programa implantou 10 projetos em diferentes comunidades. Projetos de criação de abelhas sem ferrão de piscicultura e avicultura, hortas e uma casa de farinha tiveram uma grande receptividade nas comunidades, engajaram seus moradores na gestão coletiva da produção e, desde então, diversos outros projetos similares foram implantados nas 32 comunidades beneficiadas pelo Movimento Solidário. O projeto de criação de abelhas sem ferrão gerou emprego e renda para as famílias, além de preservar o meio ambiente na região. 

No total, foram 45 projetos que impactaram nos índices relacionados ao saneamento, à saúde e rendimento escolar. O acesso à água potável, por exemplo, subiu de 43% em 2015 para 61% em 2018, de acordo com dados levantados pelo Sistema Nacional de Informação sobre Saneamento sobre o percentual de domicílios com acesso à água potável.

“A gente entendeu que Belágua pode ser um piloto de transformação e exemplo para outros municípios. Não são só os bons indicadores de desenvolvimento, mas sim a mudança na vida de cada um, é o que nos dá uma nova perspectiva. Porque não significa apenas um direito, mas sim o acesso ao desenvolvimento. E às vezes, possa até parecer uma coisa pequena, porque estamos no conforto de nossas casas, mas para essas crianças e jovens, faz muita diferença”, admitiu o secretário adjunto.

Como contribuir

Para contribuir com o Programa basta realizar um PIX utilizando a chave de e-mail instituto@fenaetransforma.org.br ou o CNPJ 09.225.342.0001/84. 

Se você é empregado Caixa também pode contribuir doando pontos que estão parados no Mundo Caixa, ou até mesmo próximos de expirarem. Eles podem ajudar a concluir com chave de ouro o processo iniciado em Belágua. Para doar pontos, basta acessar o site do Movimento Solidário. A partir da 50 pontos doados é possível fazer parte desta história de impacto social. 

Últimas notícias de Belágua