Faça uma doação
Voltar
“MOVIMENTO SOLIDÁRIO NOS FEZ ACREDITAR EM NÓS MESMOS” DIZ MORADORA DE BELÁGUA
Para Maria dos Milagres Silva Carvalho, a vida na comunidade onde mora “melhorou 100% e vai continuar melhorando”

Moradora de Preazinho, uma das últimas comunidades a receber as ações do Movimento Solidário em Belágua, no Maranhão, Maria dos Milagres Silva Carvalho, 39 anos, não tem dúvida: “De 2017 para cá nossa vida melhorou 100%, porque antes de tudo o movimento solidário fez a gente acreditar em nós e na nossa capacidade. Aprendemos muito, ensinamos muito também, e graças às doações dos empregados da Caixa, conseguimos mudar e vamos continuar melhorando”, afirma.

Antes, lembra ela, “só a farinha era certa”, a alimentação era pobre em proteínas e sem variedade, tanto pela carência financeira quanto pelo difícil acesso à sede em tempos de chuva e alagamentos. “Tem época que para chegar em Belágua a gente gasta duas, três horas, de moto ou a pé, porque não é qualquer carro que enfrenta as estradas. Mas agora, com os peixes já temos uma proteína na porta, fresquinha, e ainda usamos a água que dispensamos dos tanques para adubar a horta. Vendemos o peixe que sobra para as comunidades próximas e na própria cidade”, comemora, ao ressaltar que as 25 famílias já conseguiram recursos próprios para construir mais um tanque de peixes.

Como nas outras comunidades atendidas no município de Belágua pelo Movimento Solidário, as 25 famílias se reuniram e decidiram os quatro projetos e, além de um poço artesiano, um tanque de peixes e uma horta comunitária, foi implantado um meliponário, cujas abelhas sem ferrão produzem um mel que é considerado um dos melhores do mundo, a partir da floração da flor mirim, que só ocorre na região. “Com o auxílio do Movimento Solidário nós aprendemos que trabalhando em equipe a gente realiza mais e melhor. A isso seremos eternamente gratos”, ressalta.

Movimento Solidário

Compondo o eixo de iniciativas em desenvolvimento sustentável do Instituto Fenae Transforma, o Movimento Solidário é integrado com a cidadania e comprometido com o presente e com o futuro do país. As ações do programa são discutidas pela Fenae e seu Conselho Deliberativo Nacional, formado pelas 27 Apcefs. Os parâmetros para esse trabalho são os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU).

O programa iniciou suas atividades em 2005. Os projetos para promoção de segurança alimentar e inclusão produtiva foram realizados com base nos anseios das comunidades, com a participação coletiva em todo o processo, desde a decisão de parceria até a implantação, trabalhando para aumentar o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) das regiões.

Nesse período, o Movimento Solidário atuou em Caraúbas do Piauí, onde esteve por 10 anos. Desde 2015, a atuação segue em Belágua, no Maranhão. O Movimento Solidário também esteve no Lar de Crianças Nossa Senhora das Graças, em Petrópolis (RJ), onde foi realizada uma série de melhorias para o atendimento das crianças.

Últimas notícias de Belágua