Faça uma doação
Voltar
Movimento solidário: ajudando a transformar vidas
Doações do empregado Caixa garantem ações em Belágua (MA) e no Lar de Crianças em Petrópolis

Com a entrega de nove banheiros na comunidade de Santana na última segunda, dia 16, o Movimento Solidário comemora a implantação de 40 projetos em Belágua, cidade do Maranhão que há quatro anos é atendida pelas ações de solidariedade que só são possíveis graças às doações do empregado Caixa. 'Estamos chegando na fase final de nossa atuação, nosso cronograma de cinco anos está sendo cumprido e as comunidades já estão se preparando para gerenciar seus projetos de forma autônoma, que é nosso maior objetivo' salienta David Borges, diretor do Instituto Fenae, que centraliza as ações do Movimento Solidário.

Até o momento foram investidos R$ 583 mil, com projetos de 14 tanques de peixes, 10 hortas comunitárias, 8 poços artesianos, dois de suinocultura, um de galinha caipira, uma casa de farinha, um apiário e nove banheiros em 24 comunidades. Foram impactadas 1766 pessoas, sendo 574 crianças, 120 idosos em 364 famílias.

Também foram desenvolvidas ações emergenciais, com a realização de 1200 consultas e 600 exames de sangue, com a distribuição de 484 óculos, 600 kits de higiene e 300 cestas básicas.

David Borges adianta que a expertise do Movimento Solidário na implantação de projetos que gerem segurança alimentar e renda para famílias em situação de risco e a rápida resposta positiva das comunidades estimularam a diretoria da Fenae a solicitar ao Instituto estudos para que as ações possam ser realizadas em mais lugares, em paralelo à atuação em Belágua. 'Desde Caraúbas, e agora em Belágua, estamos acumulando uma experiência em planejamento, estrutura de apoio e modo de operar que nos permite aumentar o nosso potencial de impacto positivo', ressalta.

Lar de Crianças

Outro local de atuação do Movimento Solidário é o Lar de Crianças Nossa Senhora das Graças, em Petrópolis (RJ). Em 13 anos, a entidade, que atende a menores em situação de risco social, recebeu 10 projetos a partir de doações do empregado Caixa, o que auxiliou no atendimento de 347 crianças. Foram reformadas as cozinhas, o berçário, construída uma brinquedoteca, recuperados pisos, instalados e equipados lavanderias, salas de reforço escolar, coberta a quadra, entre outras benfeitorias. No total foram investidos lá mais de R$ 372 mil.

Se depender do apoio dos empregados da Caixa o Movimento Solidário realmente poderá se dedicar a outras localidades espalhadas pelo Brasil. Para se ter uma ideia, as doações feitas por eles mais que dobraram de 2015 para 2018, de 51 mil para 112 mil. 'Num momento em que assistimos a cortes nos programas sociais e que o desemprego é uma realidade para muitos brasileiros, ampliar essa atuação solidária é um compromisso nosso e um anseio dos empregados da Caixa', acredita o presidente da Fenae, Jair Pedro Ferreira.

Últimas notícias de Belágua