Faça uma doação
Voltar
Movimento Solidário: 5 anos em Belágua serão tema de live nesta quarta (29)
A conversa virtual contará com a participação de diretores da Fenae, do governador do Maranhão, Flávio Dino, e parceiros do Programa

'Articulações institucionais nas ações para o desenvolvimento sustentável' é o tema da live que será realizada nesta quarta-feira (29), para abordar os 5 anos de atuação do Movimento Solidário, programa de responsabilidade social da Fenae e das Apcefs, em Belágua (MA). Na conversa, você saberá mais sobre as ações realizadas até agora e as melhorias nas condições de vida de famílias carentes da zona rural do município. Fique atento: a transmissão será pelo Facebook e canal da Fenae no Youtube a partir das 19h.

A live contará com a participação do governador do Maranhão, Flávio Dino; do presidente da Fenae, Sergio Takemoto; do presidente do Instituto Fenae Transforma, Jair Pedro Ferreira; da diretora de Impacto Social, Francisca de Assis Araújo Silva; da presidenta da Apcef/MA, Giselle Menezes; da diretora de Gente e Gestão da Wiz Soluções, Clarissa Schmidt; a consultora do Movimento Solidário em Belágua, Fátima Carvalho; e o empregado Caixa, Ricardo Dornas.

O Movimento Solidário foi criado em 2005 pela Fenae e Apcefs, com o objetivo de contribuir para redução da desigualdade social no País, através de projetos que promovam o desenvolvimento sustentável com geração de renda e organização das comunidades contempladas. A primeira cidade atendida foi Caraúbas do Piauí (PI). Depois de 10 anos na cidade piauiense, onde também impactou positivamente para diminuir a pobreza, o Programa adotou Belágua em 2015.

O sucesso da iniciativa deve-se a solidariedade dos empregados da Caixa, que tem realizado doações ao programa, além do apoio da Wiz Soluções, Integra Participações, prefeitura municipal e governo do Estado.

'É gratificante poder ajudar comunidades carentes a construírem seu próprio caminho, dando condições para que eles possam ir mais longe. E tudo isso com a fundamental ajuda dos colegas da Caixa, que sempre abraçaram nosso projeto', ressalta o presidente do Instituto Fenae Transforma, Jair Pedro Ferreira.

Belágua

O município maranhense tem cerca de 7.100 habitantes e, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), está entre as 200 cidades mais pobres do país, com IDHM (Índice de Desenvolvimento Humano Municipal) de 0,512, ocupando a 94ª posição.

Nestes cinco anos de atuação do Movimento Solidário, foram implantados 42 projetos nas 27 comunidades rurais atendidas e um telecentro na sede do município, com o investimento total de mais de R$ 616 mil.

O município, que em 2015 estava entre as dez com o menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do país, avançou 148 posições no ranking do PIB (Produto Interno Bruto): em 2015, Belágua tinha o 43° pior PIB per capita do Brasil; em 2018, passou a ocupar a 191ª posição neste ranking.

'É um belíssimo exemplo de solidariedade entre trabalhadores, entre populações diferentes do nosso Brasil, com a única preocupação de melhorar a vida das pessoas e de possibilitar a elas instrumentos para que possam ser autoras das mudanças em suas vidas', comenta o secretário de Direitos Humanos e Participação Social no Estado do Maranhão, Francisco Gonçalves.

Um fator que foi determinante para a transformação da realidade local foi o protagonismo das próprias comunidades, que se engajaram no Programa e definiram as ações prioritárias a serem desenvolvidas.

Saiba mais em https://movimentosolidario.fenae.org.br/

Últimas notícias de Belágua