Faça uma doação
Voltar
Belágua recebe selo Unicef e se destaca na proteção às crianças e adolescentes
O Movimento Solidário é parte importante dessa história. Com 5 anos de atuação, o programa atua mudando a vida de centenas de famílias

A cidade de Belágua (MA) recebeu o selo Unicef, por assegurar os direitos das crianças e adolescentes. Ao todo, 1.924 municípios participaram da iniciativa que começou em 2017 e terminou em dezembro de 2020. O Selo contribui para o alcance de 8 dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) ao garantir mais acesso ao pré-natal, mais bebês com registro de nascimento, mais crianças na escola, aprendendo, mais adolescentes participando ativamente das políticas públicas que impactam suas vidas. O Movimento Solidário têm sido parte importante do conjunto de atores que trabalham para que Belágua continue melhorando seus índices e mudando a vida de centenas de famílias.

Conhecida como uma das cidades mais pobres do país, Belágua vem conquistando avanços importantes na saúde, educação e assistência social. Desde 2000, o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) está subindo consideravelmente. Saiu de muito baixo (0,320), em 2000 para baixo (0,512) em 2010. O IDH de Educação passou de 0,141 em 2000 a 0,455 em 2010.

O desenvolvimento, nas palavras do prefeito de Belágua, Herlon Costa Lima, tem resgatado a autoestima da população. 'Isso foi muito importante para mostrar que somos capazes e um reconhecimento do trabalho feito em prol da criança e do adolescente', afirmou. Ainda segundo Lima, a parceria com o Movimento Solidário é fundamental. 'O Movimento Solidário tem seu mérito nessa conquista. A Fenae abriu as portas para as nossas comunidades carentes, trouxe benefícios e está deixando uma semente nas nossas comunidades. Agradeço a cada doador que doou do seu dinheiro para ajudar o nosso povo de Belágua', avaliou.

O presidente da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae), Sergio Takemoto, lembra que a construção do Movimento Solidário em Belágua só são possíveis graças as doações do empregado Caixa. 'Graças à solidariedade dos colegas da Caixa, bem como o apoio de parceiros como a Wiz Soluções, o Governo do Maranhão e a Prefeitura, estamos melhorando as condições de vida das famílias carentes. Os excelentes resultados apresentados é fruto da união de todos em prol do bem comum', afirmou.

Para a coordenadora do Movimento Solidário e Analista de responsabilidade social do Instituto Fenae Transforma, Denise Viana, o selo é a valorização de um trabalho conjunto, assim como afirmou Takemoto. 'É uma parceria entre prefeitura, estado e toda a comunidade que entendeu o objetivo do Movimento Solidários'. Segundo Denise, uma das principais contribuições do programa foi na área de melhoria do estado nutricional das crianças e adolescentes. 'O Movimento Solidário atuou muito para reduzir a desnutrição nas comunidades', avaliou Denise.

Ao todo, 27 comunidades são atendidas pelo Movimento Solidário. Uma atuação que leva empoderamento as comunidades mais vulneráveis de Belágua. 'O projeto em Belágua tem como objetivo esse resultado, permitir que a comunidade se transforme, busque independência e se empodere', afirmou o presidente do Instituto Fenae Transforma e diretor da Fenae, Jair Pedro Ferreira. Para ele, o selo é resultado de um trabalho que está de acordo com o que a Organização das Nações Unidas (ONU) recomenda. 'Temos orgulho de dizer que a doação que o pessoal da Caixa está contribuindo para o engrandecimento dessas comunidades', afirmou.

Diretora de Impacto Social, Francisca de Assis, lembrou que um dos propósitos do Movimento Solidário é cumprir com os Objetivos do Milênio. 'O Movimento Solidário visa ajudar a melhoria das condições humanas, para crianças, mães. E em Belágua tivemos um impacto ainda mais rápido na execução das ações. Nós estamos sendo colaboradores na execução dos objetivos do milênio', finalizou.

Movimento Solidário na educação

Assegurar educação inclusiva e equitativa de qualidade e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos foi uma tarefa importante assumida pela Fenae e Apcefs por meio do Movimento Solidário. O programa impactou diretamente 734 crianças com ações que permitiram alavancar o acesso e permanência de meninos e meninas a educação básica do município maranhense.

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), o índice de desenvolvimento da educação básica (Ideb) de 4ª a 5ª série de Belágua cresceu de 2,8 em 2013 para 4,1 em 2019. A meta do município é atingir 4,9 em 2022. Já para 8º e 9º ano, o índice foi de 3,2 em 2015 para 4,8 em 2019.

Outro ponto de destaque foi a evasão escolar que caiu de 11% em 2013 para 5,6% em 2019. Um avanço importante para as famílias de Belágua.

As mudanças foram possíveis graças a parceria com diferentes mecanismos de intervenção para transformação da realidade de localidades como Belágua. Um exemplo é o Programa Mais IDH do Governo do Maranhão. A solidariedade dos empregados caixa e do público doador do Movimento Solidário foram determinantes para garantir a execução dos projetos.

Selo Unicef

O Selo UNICEF é uma iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) para estimular e reconhecer avanços reais e positivos na promoção, realização e garantia dos direitos de crianças e adolescentes em municípios do Semiárido e da Amazônia Legal brasileira.

Ao aderir, o município assume o compromisso de manter a agenda de suas políticas públicas pela infância e adolescência como prioridade.

Últimas notícias de Belágua